Impressoras 3D podem fazer mal a saúde segundo pesquisa

Quem pensou que na impressão 3D tudo são flores, deve pensar melhor. Segundo pesquisa, as impressoras 3D podem fazer mal à saúde.  Com a gradativa “popularização” dessas impressoras, comprar um aparelho para ter em casa pode ser bem atrativo. Mas, um estudo feito pelo Instituto de Tecnologia de Illinois indica que isso pode ser perigoso para sua saúde.

Os resultados da pesquisam mostram os riscos trazidos pela impressora se devem ao material que elas liberam ao derreter polímeros plásticos do tipo ABS e PLA. As impressoras 3D são considerados altos emissores de “UFP” ou “Partículas Ultra Finas”, o que não seria nenhum problema em um lugar arejado/ventilado.

Sem a ventilação ideal ou sem um sistema de filtragem adequado, as UFP oferecem perigo, pois são extremamente pequenas e podem entrar facilmente no seu corpo através da respiração, criando depósitos nos pulmões ou mesmo parar na corrente sanguínea. Altas concentrações dessas partículas já foram associadas ao câncer, derrames e até asma. Logo, a dica é usar a impressora 3D em lugares ventilados.

Fonte: extraído da internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *