TSE inicia processo de compra de impressoras para as urnas

Com a proximidade das Eleições 2018, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) iniciou em novembro os procedimentos de aquisições de materiais e equipamentos que darão suporte ao pleito. Entre as aquisições, destaca-se a compra de impressoras, que serão acopladas às urnas eletrônicas para garantir o cumprimento do que está previsto na Lei nº 13.165/2015, que instituiu o voto impresso. A previsão é que a licitação das impressoras aconteça em janeiro.

Em 2018, os mais de 140 milhões de eleitores irão às urnas no dia 7 de outubro para escolher presidente da República, governadores, senadores e deputados. No momento do voto, o eleitor terá a oportunidade de conferir se o que está no papel coincide com o que digitou na urna eletrônica, mas não haverá contato entre o eleitor e o papel impresso.

Apesar da inclusão do voto impresso a partir das próximas eleições, na prática, o ato de votar não será modificado com a medida. O que ocorrerá é que as urnas passarão a contar com impressoras, para registrar em papel o voto, que somente poderá ser conferido pelo eleitor por meio de um visor e cairá diretamente num espaço inviolável, que estará acoplado à urna eletrônica. Se a impressão não corresponder ao voto digitado, o mesário deverá ser avisado. Para preservar a inviolabilidade e o sigilo do voto, o eleitor não poderá tocar ou levar com ele o voto impresso. Os votos impressos somente valerão como subsídio em uma eventual auditoria a ser feita em uma urna em particular.

“A votação continuará eletrônica, mas um boletim será impresso e arquivado em uma urna física lacrada para futura conferência, caso seja necessário”, explica Giuseppe Janino secretário de Tecnologia da informação do TSE.

A obrigatoriedade do voto impresso foi aprovada pelo Congresso Nacional e incluída pela Reforma Eleitoral de 2015 (Lei nº 13.165) na Lei das Eleições (Lei n° 9.504/97 – artigo 59-A, parágrafo único).

A Comissão de Reforma Política do Senado Federal chegou a retirar do texto do Projeto de Lei Complementar nº 75/2015, que originou a Lei n° 13.165, a obrigação do voto impresso.

O TSE salientou, na ocasião, ser a exigência do voto impresso contraproducente, pois o sistema eletrônico de votação já permite eficiente auditagem por agentes públicos, privados e partidários. Além disso, a Corte Eleitoral destacou que a impressão do voto poderia ser muito onerosa aos cofres públicos.

Ao examinar o PLC 75/2015 no quarto trimestre de 2015, o Plenário do Senado restabeleceu a obrigatoriedade do voto impresso na votação do projeto. Emenda ao texto, apresentada pelo senador Aécio Neves (PSDB-MG) e aprovada pela maioria dos senadores, retomou a impressão do voto para a próxima eleição presidencial.

Ao derrubar em dezembro de 2015 o veto da presidente Dilma Rousseff à obrigatoriedade do voto impresso, com o voto de 368 deputados e de 56 senadores, o Congresso Nacional restabeleceu a exigência no texto da lei.

(Fonte)

Océ Colorado 1640 apresenta nova tecnologia Canon UVgel

No último mês de Novembro, a Canon lançou sua nova impressora “64,  a Océ Colorado 1640, desenvolvida para trabalhar facilmente com altos volumes de impressão. Com carregamento de mídia totalmente automatizado, ela garante impressões com qualidade “on-the-fly”, produzindo imagens fantásticas para impressões profissionais. Ela funciona com uma ampla variedade de materiais inclusive mídias sensíveis ao calor.

A tecnologia UVgel, presente na Océ Colorado 1640, é a grande inovação apresentada pela Canon. A UVgel combina uma tinta UV desenvolvida pela Canon que instantaneamente congela ao entrar em contato com a mídia, uma avançada tecnologia de cabeças inteligentes “self-aware” e um sistema UV baseado em LED, que atua sem adicionar qualquer calor prejudicial à mídia.

A nova Océ Colorado 1640 é a impressora de 64” mais rápida do mercado. Possui uma velocidade máxima de 159m2 por hora e oferece alta qualidade com impressões POP a 40 m2 por hora, uma das mais rápidas deste segmento. A nova tinta UVgel gera instantaneamente o contato com a mídia resultando em ganho de ponto e controle precisos da gota, imagens perfeitamente repetíveis e impressões duráveis. O avançado sistema de cura LED-UV de baixa temperatura move-se independentemente do carro de impressão, permitindo uma distribuição UV uniforme na pós-impressão que contribui ainda mais para a velocidade e qualidade de impressão.

A impressão autônoma confiável, a garantia de qualidade automatizada, a mudança automática de rolo e o desperdício de impressão reduzido, contribuem para a alta produtividade.

A Océ Colorado 1640 estabelece um novo padrão em industrialização e automação. Ela conta com mecanismo de gaveta resistente que suporta até dois rolos de mídia ao mesmo tempo, cada um pesando até 50 kg. Os dois rolos podem ser do mesmo tipo e tamanho de mídia ou diferente e, uma vez inicializado, o mecanismo de impressão pode alternar trabalhos entre os rolos sem a assistência do operador.

Se uma mídia desconhecida for carregada, a impressora medirá automaticamente sua espessura e ajustará a diferença de acordo com os novos parâmetros. Isso garante a melhor qualidade de impressão possível e reduz o risco de falhas nas cabeças de impressão. Esta informação é então armazenada na biblioteca de mídias juntamente com outros parâmetros para que na próxima vez que for usada, a impressora saiba exatamente como operar.

As cabeças de impressão UVgel incorporam monitoramento contínuo de bicos (nozzeles) patenteados para detectar e corrigir falhas ou baixo desempenho. Durante cada passagem de impressão, a tecnologia patenteada de monitoramento de bicos da Canon verifica automaticamente todos eles usando amostragem acústica capaz de detectar se os algum deles falhará antes mesmo que eles realmente o façam. Em caso de falha, a manutenção corretiva é executada automaticamente.

Além disso, a exclusiva tecnologia UVgel da Canon possui dispersão de tinta ultrafina com quase nenhum perfil físico visível na superfície da mídia. As impressões são únicas e suaves, ao contrário de outras tecnologias de tinta UV, e satisfazem os mais altos padrões ambientais para uso interno com um perfil praticamente inodoro.

Como com todas as impressoras de rolo a rolo, um fator importante na qualidade de impressão e na faixa de aplicação é a precisão com que a impressora avança a mídia. Construído sobre chassi robusto para atuar com precisão e equipado com componentes industriais, o sistema de transporte de mídia usa um leitor óptico que monitora continuamente o avanço. Usando marcas de índice impressas praticamente invisíveis nas bordas da mídia, o sistema mede os avanços das mídias em tempo real para corrigir automaticamente o passo da etapa seguinte, conforme necessário.

A previsão de chegada da Océ Colorado 1640 ao Brasil é em março do ano que vem, segundo informações da empresa.

Kodak lança nova campanha “Print For Good”

A “Print for Good” é uma campanha da Kodak, que incentiva o hábito da leitura através da entrega de livros através de livrarias móveis, doações e impressão de material escolar. Em seu primeiro ano, ela já doou cerca de 30 mil livros e materiais escolares a milhares de crianças de comunidades dos EUA, Europa, Ásia, no Caribe e Oriente Médio.

Em 2017, as localidades atendidas pelo “Print for Good” da Kodak se estenderam desde a sede da empresa, em Rochester, até áreas rurais da Índia e do Haiti:

· Croxley Park, Reino Unido: Os colaboradores da Kodak no Reino Unido doaram mais de 500 livros para a JMI School & Nursery e para o Peace Hospice em Watford; ao mesmo tempo, eles organizaram um evento onde o ilustrador de livros infantis Ben Cort, da popular série ‘Aliens Love Underpants’, estava presente autografando livros.

· Rochester, Nova Iorque, EUA: Trabalhando com a Liga Urbana de Rochester e com a Fundacão Scott Spino, a Kodak doou mais de 2.500 livros a crianças na área do metrô da cidade.

· Nilmat, Índia: Colaboradores da Kodak, em parceria com “Youth For People”, distribuíram mais de 5.000 cadernos para mil crianças indianas para promover o aumento da alfabetização nesta região tribal nos arredores de Mumbai.

· Memphis, Tennessee, EUA: Em colaboração com Books from Birth, a Kodak doou recentemente 1.000 livros infantis de autor, designer e apresentador da série Videos Press On da Kodak, Tad Carpenter. Os livros estão agora a caminho das prateleiras das famílias que participam de dois programas diferentes, concebidos para encorajar a alfabetização na primeira infância: LENA Start e Reach out and Read.

· Porto Príncipe, Haiti: a Kodak juntou-se à Hearthstone Village, com sede em Ukiah Valley, CA, uma entidade sem fins lucrativos, para ajudar o Reveil Martin Orphanage a construir uma biblioteca e atender às necessidades contínuas de alfabetização das 26 meninas que vivem no local na capital haitiana.

· Madrid, Espanha: Na Espanha, a Kodak trabalhou com seu cliente, a CAYFOSA, para fornecer 1.500 cópias de ‘Cuentos para contar en 1 minuto’ para a Gallardo FUNDACIÓN MELIOR, uma entidade sem fins lucrativos que está distribuindo os livros para melhorar as habilidades de leitura de crianças economicamente desfavorecidas na comunidade.

· Petah Tikva, Israel: A equipe de Israel da Kodak fez parceria com o cliente local, Emanuel Print, para publicar mais de 1.000 folhetos que foram doados para crianças em necessidade durante as férias da Páscoa de 2017. A Kodak trabalhou com a organização sem fins lucrativos La’Sova, uma entidade focada no fornecimento de alimentos para comunidades com necessidades elevadas. Os folhetos foram adicionados aos pacotes de comida para distribuição.

Essas atividades são apenas alguns dos muitos programas que a Kodak tem apoiado em todo o mundo em 2017 para promover melhores resultados de alfabetização. Para saber mais sobre cada um desses importantes programas, e o impacto que eles estão tendo em suas comunidades locais, visite www.kodak.com/go/printforgood.

“Na Kodak, sentimos que a alfabetização é um mote para se falar sobre o valor da impressão de uma maneira muito tangível, ao mesmo tempo em que nos associamos com alguns de nossos clientes mais importantes para abordar uma questão vital que atinge as comunidades em todo o mundo”, disse Brad Kruchten, Presidente da Divisão de Sistemas de Impressão da Kodak. “A alfabetização não só enriquece a vida de um indivíduo, mas cria oportunidades para que as pessoas desenvolvam habilidades que as ajudem a auxiliar a si mesmo, suas famílias, e, ao mesmo tempo, aumentar o potencial econômico das comunidades ao seu redor. Estamos orgulhosos de poder contribuir para melhorar os resultados de alfabetização em todo o mundo.

Novas impressoras Canon para educação

A Canon, referência mundial no mercado de impressão, apresentou os últimos lançamentos para o segmento de educação, como escolas e universidades.

O principal lançamento é a impressora imagePRESS C850/ 750, ideal para apostilas e provas, devido à alta velocidade de funcionamento e a possibilidade de realização de cópias sob demanda, sejam coloridas ou monocromáticas. A iPR C850/ 750 oferece sistema de impressão segura com senha de acesso, restrição de impressão, possibilidade de edição em arquivos antes de serem impressos, e gerenciamento remoto, visando a segurança dos documentos e rapidez na operação.

Além disso, ela também conta com toner superfino ideal para acabamento com laminação, com capacidade para imprimir folhas até 33x76cm e com 300g/m², além de possuir vários tipos de calibração e densitômetro interno para garantir estabilidade de cor da primeira até a última impressão.

Outro lançamento da Canon é a imageRUNNER ADVANCE 500iF, indicada para escritórios. Essa é uma multifuncional A4 monocromática que oferece digitalização e impressão rápidas, fax e cópia padrão. Por possuir estrutura compacta e ser compatível com diversas soluções de gestão e controle, a iR ADV 500iF se torna o equipamento ideal para pequenos escritórios ou ambiente escolar.

Com estes lançamentos, a Canon amplia o seu portfólio de soluções tecnológicas, que também incluem softwares de contabilização e controle de custos, impressão móvel, gerenciamento e controle eletrônico de documentos, correção de provas, além de segurança da informação.

Epson apresenta nova linha de impressoras EcoTank

A Epson lançou uma nova geração de impressoras EcoTank. Os novos modelos incorporam uma gama específica para impressão fotográfica, com um sistema de tinta de 5 cores (ET-7750 e ET- ET-7700), um novo design e com um depósito de tinta frontal. Este design é agora aplicado em toda a linha de impressoras, incluindo os modelos (ET-4750, ET-3750, ET-3700, ET-2750 e ET-2700).

A EcoTank ET-7750 para impressão fotográfica conta com uma capacidade para imprimir até 3400 fotografias (de 10×15 cm), com um pack de tintas incluído. Já as impressoras EcoTank ET-7750, ET-4750, ET-3750 e ET-2750, apresentam um design compacto, onde o tanque de tinta, anteriormente situado na lateral da impressora, passa agora para a parte frontal do equipamento.

As impressoras EcoTank da Epson para espaços domésticos e pequenos escritórios (ET-4750 e ET- 3750) incluem impressão frente e verso até 15ppm, tabuleiros de papel de maior capacidade e um alimentador automático de documentos e fax.

HP bloqueia novamente o uso de cartuchos genéricos em suas impressoras

A guerra entre fabricantes de impressoras HP contra os cartuchos de tinta genéricos ganhou um novo episódio no último mês de setembro, com uma nova atualização nos firmwares de seus equipamentos que impede a utilização caso o usuário esteja utilizando um cartucho que não seja o original da empresa.

No ano passado, a HP fez algo semelhante, distribuindo para seus clientes uma atualização que inutilizava diversos cartuchos genéricos presentes na impressora, apresentando uma mensagem de erro e impedindo a impressão até que o suprimento fosse substituído por um original. Na época essa atitude da empresa gerou muitas críticas entre os consumidores, fazendo com que a HP voltasse atrás, e retirasse essa barreira em seu firmware, assumindo não ter comunicado seus clientes da forma correta.

Porém a atitude parece ter se repetido agora, já que a barreira para cartuchos genéricos não foi informado oficialmente pela HP, porém descoberto pelo blog de tecnologia GHacks. Aparentemente o novo bloqueio para genéricos é mais sutil que o ocorrido em 2016, sendo possível até mesmo mesclar entre cartuchos originais e “piratas” na impressora. Mas caso todos os cartuchos no equipamento sejam genérico o alerta de erro será emitido.

O especialista Anderson Martins, da Impressora.com alerta que apesar da economia no valor do cartucho, o uso de modelos genéricos e remanufaturados trazem maior risco de danos ao equipamento, entre outros problemas. “A tecnologia de tinta oferecida pelos fabricantes é muito superior aos genéricos. Isso até pode não ficar aparente nas impressões mais simples, mas quando é necessário um serviço com qualidade profissional a diferença é nítida. Além da maior incidência de vazamentos e secagem da cabeça de impressão nos cartuchos genéricos.”

Até o momento foi observado que o bloqueio do firmware HP afeta os modelos das séries OfficeJet 6800, OfficeJet Pro 6200, OfficeJet Pro X 450 e OfficeJet Pro 8600. A fabricante ainda não se pronunciou oficialmente sobre o caso.

Xerox apresenta a impressora Trivor 2400

Para muitas impressoras comerciais, a economia de custos derivada da tecnologia de jato de tinta foi compensada pela despesa de revestimento de papel ou ter que comprar papel revestido a jato de tinta especial. Agora, a Xerox busca gerar maior economia de gastos para as empresas com a nova tecnologia de tinta High Fusion, que produz resultados de alta qualidade, sem a necessidade de processos de revestimento intermediários, primers ou hardware adicional.

A impressora Trivor 2400 High Fusion Inkjet permitirá às empresas de impressão expandir sua gama de impressões em jato de tinta, para produzir trabalhos personalizados com maior custo-benefício, como mala direta, catálogos, revistas e livros coloridos. A tinta High Fusion foi especialmente formulada para otimizar a impressão e a secagem em materiais revestidos offset, incluindo matte, silk e glossy, de 60 a 250 gsm.

“A velocidade, a grande variedade de cores e a capacidade de imprimir em estoque revestido com compensação regular, sem pré ou pós-tratamento, fazem da Trivor 2400 uma inovação revolucionária na produção de jato de tinta”, disse David Zwang, consultor principal da Zwang & Co.

Embora a High Fusion Ink seja otimizada para papéis offset , ele também funciona em uma variedade de mídia não revestida, proporcionando uma opção econômica para um conjunto versátil de trabalhos de impressão.

A impressora profissional Xerox Trivor 2400 High Fusion Inkjet Press estará disponível para instalações a partir de outubro em todo o mundo.

Saiba qual a gramatura ideal do papel para sua impressão

As atuais impressoras e multifuncionais são capazes de imprimir com excelente qualidade de cor imagem os mais diversos tipos de material, desde documentos quanto folders e cartões profissionais. Mas para obter o resultado perfeito, deve-se prestar atenção também na gramatura do papel, pois um papel inadequado para seu projeto gráfico resulta em um resultado final fraco e sem aproveitar todo o potencial da impressora. Veja aqui as diferenças entre as principais gramaturas dos papéis disponíveis no mercado:

75g: O tipo de papel mais comum, é recomendado para uso interno ou notas fiscais, avaliações, pedidos e outros documentos simples.

90g: Gramatura mais recomendada para papel timbrado, teses, propostas comerciais, contratos, e outras situações onde há uma maior preocupação com a apresentação.

115g: Utilizado para panfletos e flyers mais simples, com impressão frente e verso, porém sem dobrar.

150g: Para folders dobráveis essa gramatura é a melhor recomendada para um melhor resultado final. É a mesma gramatura utilizada em revistas e encartes de CDs e DVDs.

250g a 300g: Papel mais pesado, é o modelo correto para cartões de visitas e tags profissionais.

Além disso, também fique atento ao acabamento do papel (fosco ou brilhante) e verifique se o modelo é recomendado para jato de tinta ou impressão a laser.

 

(Fonte: ImpressorAjato.com)

HP bloqueia novamente cartuchos de tinta genéricos em suas impressoras

A HP, há um ano, liberou uma atualização de firmware para as suas impressoras que acabava bloqueando o uso de cartuchos de tinta feitos por outras empresas que não fosse a própria HP, os chamados cartuchos genéricos. A decisão não foi bem aceita, e a companhia acabou voltando atrás e liberando o uso de cartuchos de outras marcas.

Porém no último mês de setembro, a HP lançou novamente uma atualização de firmware que bloqueia o uso de cartuchos de tinta considerados genéricos. O update foi liberado no dia 13, há exato um ano atrás, já que o último também aconteceu em 13 de setembro.

O bloqueio desta vez parece estar menos evidenciado. Em alguns modelos de impressora é possível, inclusive, usar ao menos um cartucho “pirata” sem causar qualquer problema. No entanto, quando todos os slots de cartuchos estão ocupados, a máquina acaba gerando um alerta de que algum deles pode estar danificado e precisa ser removido.

A HP, no último ano, disse que o bloqueio servia para “proteger as inovações e a propriedade intelectual” da companhia. Ao voltar atrás da decisão, a empresa disse que a deveria ter feito “um trabalho melhor de comunicar o procedimento de autenticação para os clientes”.

Conheça o Epson iPrint

O Epson iPrint é um utilitário de otimização de impressão gratuito que permite ao usuário analisar os documentos antes de imprimi-los. Desta maneira, você otimizará a sua impressão, já que isso implica na remoção de páginas em branco, escalando para baixo as páginas para que elas caibam em menos folhas, por exemplo.É uma ótima maneira para você diminuir a quantidade de recursos como papel e tinta na hora da impressão.

Esta ferramenta funciona como uma impressora virtual. Isso significa que quando você for otimizar a sua impressão, em vez de selecionar a sua impressora real, aquela que está conectada ao seu computador, você terá que selecionar a impressora Epson iPrint, que será criada na área de Impressoras e aparelhos de fax no seu Gerenciador de Dispositivos. Isso lhe permite imprimir documentos otimizados a partir de qualquer aplicativo que suporta impressão de arquivos, como um editor de texto ou navegador.

Quando você está imprimindo documentos não otimizados, a impressão deixa muitos resíduos nas folhas. Com o Epson iPrint você poderá diminuir consideravelmente este desperdício, o que pode não ser muito, se você usar em casa ou em uma pequena empresa, mas para empresas maiores, onde há muitos documentos impressos, você poderá economizar muito no final das contas. Além disso, essa é uma ótima oportunidade para proteger o meio ambiente. Quanto menos folhas de papel são usadas, menos árvores são derrubadas.

Após a instalação, o que é muito simples, você terá que reiniciar o computador. Essa é o único procedimento que você precisa fazer antes de otimização de impressão poder começar.

Em seguida, abra o aplicativo de onde você gostaria de otimizar as suas impressões. Selecione o documento e faça o mesmo procedimento normal para imprimir. Só que agora, em vez de selecionar a impressão padrão, selecione o Epson iPrint.

As páginas em branco são removidas automaticamente. Além disso, o redimensionamento da página pode ser ativado, clicando nos botões de escala na barra de ferramentas superior. Ao usar esse recurso, você colocará mais páginas em uma única folha de papel.